ChecKim: Vinícola Don Giovanni – Pinto Bandeira/RS

E sou super fã de vinhos e espumantes. E imagino que muitos de vocês que cá estão lendo esse post também. Então imagina aliar esse amor por vinhos à uma estadia deliciosa defronte a vinhedos, num casarão dos anos 30, tipicamente italiana com o cheiro de lenha queimando.

Sim, a nossa serra gaúcha te oferece tudo isso, e a Pousada Don Giovanni é o cenário ideal. Obrigada Edith Auler e Flavinha Mello por proporcionar esses momentos a todas nós.

Casarão dos anos 30. Charme na medida Foto: Renan Abraham

Casarão dos anos 30. Charme na medida
Foto: Renan Abraham

Vinhedos Foto:  Renan Abraham

Vinhedos
Foto: Renan Abraham

 

Momentos de paz. É isso que temos quando chegamos na Don Giovanni, apesar de todas as atividades; sim, nós caminhamos hectares e hectares de terras, da mais pura natureza. Colhemos alcachofras (que foi servido no nosso jantar posteriormente) e tivemos uma aula deliciosa com a enóloga e sommelier internacional, Juliana Rossatto, que me fez sentir ainda mais prazer na hora de degustar vinhos e espumantes. Além de contemplar, de cima do mirante, o mais lindo pôr do sol envolto pelos vinhedos e apreciando um espumante Dona Bita (em homenagem a queridíssima proprietária Beatriz Giovannini). Ai que saudade!!!!

Colheita de alcachofras com a tobata Foto: Renan Abraham

Colheita de alcachofras com a tobata
Foto: Renan Abraham

 

Colheita de alcachofras Foto: Renan Abraham

Colheita de alcachofras
Foto: Renan Abraham

 

Apreciando o final de tarde com um excelente "Dona Bita"

Apreciando o final de tarde com um excelente “Dona Bita”

 

Ao anoitecer, o restaurante da pousada serve aos hóspedes um cardápio todo especial, com produtos próprios como alcachofras, hortaliças e temperinhos. O risoto de alcachofras acompanhado de frango na cerveja e batatinhas com alecrim é o carro chefe e me dá água na boca só de lembrar, e de sobremesa uma cassata com molho de levedura (queria toneladas desse molho MARAVILHOSO). E claro, tudo muito bem harmonizado com os vinhos e espumantes que só a Don Giovanni oferece, com seus vinhedos próprios e por isso total controle sobre as uvas que produz. Toda a acultura da uva, do plantio à colheita, é acompanhada pelos enólogos da vinícola.

Na ocasião, nossa amiga, a chef Flavinha Mello, entrou no clima e preparou para o grupo um menu igualmente especial; alcachofras com molho de melado perfumado com lavanda e mostrada dijon, carne de panela ao vinho, acompanhado de purê de batata doce, e de sobremesa um sagu de chia. A gente volta pra casa (realidade) e sente falta de toda essa maravilha.

 

 

Eu escrevo com o mesmo carinho que fomos recebidas pela família Giovannini. É tão acolhedor chegar num ambiente familiar e em minutos sentir-se parte da família. Foi assim que me senti. Eu queria agradecer pela milésima vez, e quantas vezes mais eu puder, pelo cuidado e zelo da Dona Beatriz Giovannini, do Daniel Panizzi, Larissa Pistóia, Juliana Rossatto e TODOS  os funcionários da Vinícola Don Giovanni que nos receberam de braços abertos e fizeram esses 3 dias serem inesquecíveis.

Beatriz Giovannini e Kim Barcellos Foto: Renan Abraham

Beatriz Giovannini e Kim Barcellos
Foto: Renan Abraham

 

E muito obrigada ao meu grupo que animou e divertiu da manhã até a noite …

Livia Machado, Manuele Tres, Juliana Rossato, Kim Barcellos, Beatriz Giovannini, Flavinha Mello,

Lívia Machado, Manu Tres, Juliana Rossato, Kim Barcellos, Beatriz Giovannini, Flavinha Mello,Miréia Borges, Edith Auler, Aline Mendes, Ivana Rebeschini, Samantha Pinotti, Larissa Pistóia, Jaqueline Pegoraro e Anapaula Chitto
Foto: Renan Abraham

Toda a história da vinícola Don Giovanni você encontra no site ou na página do Facebook

www.dongiovanni.com.br

www.facebook.com/vinicolaepousadadongiovanni

Author: ChecKim

Share This Post On